Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Menino das Opiniões

Opino sobre tudo o que vejo.

O Menino das Opiniões

Opino sobre tudo o que vejo.

Furiosamente Louco: Não digam isto quando estão comigo

   Não são erros ortográficos, mas são palavras e expressões que me tiram do sério. Não suporto, não as digo e há já quem reconheça que não gosto.

 

"Fazer praia"

Esta expressão é sazonal, só a ouço no verão. Enquadra-se quase sempre em conversas com amigos que já não vemos há algum tempo e que não fazem parte do nosso grupo. É mais ou menos assim:

- Olá! Já não nos víamos desde o fim das aulas.

- Mesmo. Então, está tudo bem?

- Sim, e contigo?

- Também. Vais para a praia? (repara no fato de banho e nos chinelos)

- Sim

- Onde fazes praia? Eu faço ali ao pé do café da D.Clara.

- Eu faço na praia do Zé Rosca.

 

Não entendo por que é que as pessoas dizem isto. A Natureza é que fez as praias, não foram os humanos, a não ser que sejam construtores e estejam a fazer uma praia artificial. Exceções à parte, não faz sentido. Nós vamos à praia, não a fazemos.

 

"Bom Dia/ Boa Tarde"

Um expressão normalíssima, mas que desperta em mim um revirar de olhos. Alguns dos meus amigos já perceberam que não gosto desta expressão e já me dizem simplesmente "Olá". 

 

"Em minha casa"

Apesar de ser correto, existe outra expressão similar que desempenha a mesma função e, ao ser pronunciada, parece mais natural: Na minha casa. 

 

"Bebida"

A sua prima "comida" não me afeta minimamente, mas esta faz me comichão. Podem ser mais específicos ao dizer o que querem beber em vez de dizerem "Quero bebida"? Querem sumo de laranja, de melancia, de maçã, vodka pura, vodka preta, cerveja, água? Então peçam o que querem e não apenas algo indefinido para beber.

 

 

 E vocês, também têm expressões ou palavras que não gostam?